Um presente para o planeta

28/06/2021

No dia 5 de junho foi comemorado o dia mundial do meio ambiente.
Os professores e professoras do Geração+ convidaram seus alunos e alunas a presentearem o
meio ambiente. Afinal, um dos valores que o projeto Geração+ quer ensinar às crianças é que
“Os recursos do planeta são um patrimônio de todos os habitantes”.

A professora Rita de Cassia Pereira da Silva, da cidade de Guaiçara propôs aos seus alunos e
alunas que presenteassem o meio ambiente plantando árvores. Afinal, GUAIÇARA é o nome de
uma árvore e a cidade é carinhosamente apelidada de “Berço das Plantas”. Rita convidou a sua
turma para conhecer o viveiro municipal e escolher uma muda de árvore nativa e um local para
plantá-la.
João Pedro, do 4º ano e a sua família plantaram a sua árvore próximo às margens do córrego
Nita. Escolheram este lugar porque descobriram que é muito importante preservar as matas
ciliares.

A professora Verônica Aparecida de Moura, da EMEIF Zacharias de Souza Leão de Guaiçara
convidou seus alunos e alunas do 4° ano a escolherem um presente para melhorar o meio
ambiente para todas as pessoas.
A aluna Julya Roberta Pereira fez um desenho em homenagem aos profissionais que deixam o
mundo muito mais bonito para todas as pessoas da comunidade onde ela vive. E o seu desenho
vem acompanhado de uma mensagem:
“Faça do meio ambiente o seu meio de vida!”

Os professores e professoras da EMEB Professora Cynira Vendramel de Cafelândia ensinaram
as crianças a observarem o meio ambiente em que vivem. A atividade consistia em observar e
registrar todos os elementos naturais do entorno, como folhas, galhos, flores, frutos e raízes.
OBSERVAR é uma operação intelectual imprescindível para a produção do conhecimento! Não
se trata de uma coleta aleatória de dados esparsos. É, antes, uma forma de olhar os
fenômenos interrogando-os.
As folhas coletadas pertencem a que árvores? As penas deitadas no chão são de quais
pássaros? Quem plantou as árvores que estão na calçada? Que pássaros moram na cidade?
Que bichinhos foram encontrados que nem pareciam existir? Do que eles se alimentam?
Petrina Fernandes, diretora da escola contou que a participação das crianças nesta atividade foi
um sucesso e não esconde a admiração e respeito que nutre por todos os professores e
professoras da sua escola.

Todo trabalho é uma história. Mostrar o que os professores realizam é um jeito de afirmar o quanto a instituição escolar é fértil para cultivar um mundo mais bonito, alegre e justo para todas as pessoas!

 

Leave a reply

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!

  Inscreva-se  
Notificar de

Leave Your Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *